15 de out de 2006

Ética com estética...

Num post anterior falei da importância de visitar esta exposição temporária que esteve no Museu Nacional de Arte Antiga até 15 de Outubro, após um "prolongamento" de cerca de um mês para que mais pessoas a pudessem visitar e dar a possibilidade de algumas escolas aproveitarem esta oportunidade única de mostrar aos alunos um percurso de História de cinco séculos através da Arte!
Na altura lançava o repto de a poder visitar com os meus alunos do 12º ano...e depois de apresentado à Direcção da minha escola, foi-me dada luz verde para avançar! No dia 4 de Outubro lá fui... com o 12ºano e alguns "arqueólogos" do meu Clube!!

Mas o que faz escrever agora é o GRANDE SENHOR RAU, homem notável e exemplo a seguir!
Herdeiro de um império industrial, trocou-o pela medicina e pela acção humanitária em África! Construiu um hospital no Congo e gastou muito dos seus milhões em tratamentos e alimentos para que milhares de pobres tivessem dias melhores. E foi a estes que deixou o seu imenso património artístico que foi comprado discretamente ao longo de trinta anos. Ao morrer em 2002, este espólio é doado à UNICEF que fará girar a exposição, durante 25 anos, pelos grandes museus do mundo. Findo esse tempo serão vendidos em leilão...e podemos imaginar a enorme quantidade de milhões que irão ser facturados, em prol dos mais necessitados.
Parece que o Senhor RAU era um homem alegre. Ao fazer tamanha acção de caridade e ajuda ao próximo só o podia ser.
Ao ver a imagem que serviu de rosto ao cartaz da exposição quase que se pode depreender essa serenidade e alegria de viver que transborda daquele sorriso optimista!

Quem a visitou ficou marcado! E daqui a uns 20 anos quando for notícia nos meios de comunicação que as obras do Senhor Rau foram vendidas e vários milhões renderam para os mais desfavorecidos...eu, os 18 alunos que levei, a Dona Redonda que me deu o click para eu ir, e todos aqueles a quem eu dei o mesmo click... vamos relembrar o quão importante foi para nós termos visitado tão importante colecção!


 Posted by Picasa

5 comentários:

manuel neves disse...

Viva!

Sem dúvida que foram uns "privilegiados" ao visitarem uma exposição que daqui a algum tempo estará dispersa, quiçá, pelos cantos do mundo. Depois a dimensão das obras vai muito para além da visão sensorial ou estética, pois abarca uma dimensão social e solidária, que, quanto a mim, lhe dá a maior importância.

Um Abraço

Crepúsculo disse...

Este seu blog é o maximo.

vou pedir ao femané que o referencie, se não tiver nada contra.

Moura disse...

"femané" quem é?
Desde que não me faça mal está tudo na boa!
Obrigado pelos seus comentários.

Crepúsculo disse...

LOLOLOL

Se escrever no "Google" femané
fica logo a saber quem é.

Um abraço

ana sofia disse...

como estudante de História da Arte não me perdoaria se não visse esta exposição!
De facto, é sem dúvida de louvar o espólio fabuloso que o Senhor Rau conseguiu reunir sem nunca se aproveitar dele para se fazer notar...

Foi extremamente marcante ver ali, ao vivo, obras que durante anos analisei através dos livros, que estudei nas aulas e com as quais aprendi a sonhar com um futuro rico em visitas aos Museus mais importantes para poder ter outra noção da realidade das grandes obras que os grandes Mestres fizeram.

O Sr. Rau conseguiu reunir obras notáveis, que marcam diversos períodos e que permitem por isso, até ao mais leigo, ter uma noção do quanto a Arte da pintura, neste caso particular, se foi alterando, acompanhando padrões estéticos novos, criando objectos por vezes "estranhos" mas que nem por isso deixam de ser obras de arte.

Parabéns a este grande Senhor, parabéns a quem permite que esta exposição continue a correr o mundo e parabéns a todos aqueles que viram a exposição e se deixaram levar pelo inegável talento de Mestres como Fra Angelico, Degas, Cézanne...