31 de jul de 2006

Arroz doce...

Com as letras que dão para Carlos Manuel Bandeira Moura... no meu nome só é preciso mais um L, de Lameiro! Desde pequeno que me habituei a comer este prato típico da região de Coimbra...e saído das mãos da minha avó era uma verdadeira obra-prima! Quem estiver com vontade de fazer pode seguir o seguinte "roteiro" http://www.gastronomias.com/portugal/beira_litoral009.html .
 Posted by Picasa

Cachupa Rica

No passado domingo, para confraternizar o aniversário do meu pai foi confeccionado cachupa rica, prato típico de Cabo Verde!
Quem desejar aventurar-se nesta iguaria sempre pode experimentar...seguindo à risca o que é emanado em http://www.gastronomias.com/lusofonia/cv005.htm !
 Posted by Picasa

Igreja redonda...


São raras as igrejas redondas...mas em Janas, encontramos a Igreja de São Mamede!
Igreja rural de planta circular, com alpendre saloio, em volta, e centro de antiquíssima romaria que inclui a tradicional bênção do gado sob a protecção de S. Mamede. O templo, construído ao que se supõe, sobre as estruturas de um edifício romano, de que ainda é visível parte do «podium», conserva no seu interior uma imagem em pedra do padroeiro, do século XVI.
 Posted by Picasa

Azenhas do Mar

Hoje fui a Lisboa...e de regresso optei por fazer um caminho que já não fazia há uns bons tempos...sempre junto ao litoral a ver quase sempre o mar! Ou seja, Sintra, Colares, Praia das Maçãs, Azenhas do Mar, Ericeira, Santa Cruz, Santa Rita,Areia Branca, Peniche, São Martinho, Nazaré...!
Na foto, tenho uma panorâmica de Azenhas do Mar que vale pela sua cenografia e pelas atraentes piscinas naturais que se aproveitam do Oceano Atlântico, em maré alta, e que proporcionam uns belos banhos! Quem preferir águas mais calmas também tem piscinas artificiais...a uns "simpáticos" 10 euros por dia/pessoa!


 Posted by Picasa

28 de jul de 2006

Festival Maré de Agosto.

Outro ângulo da Praia Formosa! Dá para ver um recinto delimitado, por algo de cor azul, que é palco do Festival Maré de Agosto, desde meados dos anos 80.
Para mais informações deste festival http://www.maredeagosto.com/
Este ano decorre de 18 a 20 de Agosto e o programa pode ser visto em http://www.maredeagosto.com/index.php?op=10 .
Posted by Picasa

Que água...!!

 Posted by Picasa

Perfeita!

A Praia da Formosa é um local muito interessante, pois o mar está sempre calmo e a água a uma temperatura muito apetecível, a fugir para o quente! Parece mentira...mas é a mais pura das verdades, e é assim todo o ano!
Não custa nada entrar neste calmo mar e uma coisa que me impressionou foi o facto de andarem inúmeras espécies de peixes...logo ali à beira!!
Esta praia é palco do maior festival de música dos Açores! Realiza-se no mês de Agosto e é uma espécie da nossa Zambujeira, Vilar de Mouros, Paredes de Coura...entre outros! É engraçado ver chegar à ilha milhares de jovens que acampam nas redondezas e fazem das noite dias e vice versa!!! De repente a ilha enche-se...e no fim dos concertos, fica de novo calma e com o pessoal da terra e meia dúzia de turistas (graças a Deus!).
O ano passado assisti a este espectáculo todo... e sem saber!
Posted by Picasa

Praia de areia branca...


A Ilha de Santa Maria é a única do arquipélago que possui praias com areia branca...pelo menos na teoria, como as de Portugal continental! Constatei que tem uma praia fabulosa com um areal de dimensões perfeitas, nem muito grande, nem muito pequeno, e com espaço para estarmos comodamente instalados sem ninguém por perto. Quanto à areia, é fina e a fugir para o cinzento, o que dá para fazer uns "croquetes humanos" interessantes e diferentes dos habituais...
 Posted by Picasa

Hotel 5

Elemento fundamental para uma boa semana de férias, ou por outras palavras, merecido descanso, que não pode ser descurado prende-se com o local que vai servir de "nossa casa temporária"! Em Santa Maria temos um hotel moderno e com óptimas instalações: o Hotel 5! Bons quartos, uma bela piscina e funcionários simpáticos!
 Posted by Picasa

Já falta pouco...


Já faltam poucos dias, melhor dizendo, já faltaram mais dias para rumar em direcção ao meio do imenso Oceano Atlântico...para estar mais uma semana numa das nove ilhas do Arquiélago dos Açores! O ano passado estive logo na primeira, e pouco conhecida, Ilha de Santa Maria, este ano para a terceira...que se denomina, Ilha Terceira vá-se lá saber o motivo!
Fiquei fascinado o ano passado pela enrme paz e calma que se vive neste espaço que ainda nos pertence! Fantástico! Quem quer descanso, e alguns passeios por sítios que parecem tirados do paraíso, recomendo Santa Maria. Pelo menos para já! Mas segundo relatos de pessoas que conhecem as nove ilhas...podemos esperar nove destinos diferentes, mas com uma beleza e tranquildade que é comum a todas!
A foto mostra aparentemente um pequeno aeroporto, pelo menos em termos de edifício...mas que tem uma pista de fazer inveja pela sua dimensão! Por esse motivo, o mítico avião Concorde nela parava para reabastecer e enorme impacto fazia na população belo barulho que fazia!
 Posted by Picasa

24 de jul de 2006

Mais uma delícia aqui tão perto...

Hoje fui presenteado com uma dúzia de queijadas do símpático lugar de Pereira, que fica bem perto de Coimbra, de Condeixa, de Montemor...enfim, de quase todos os sítios!!!
O autor de tão deliciosa oferenda é colega, mas mais importante, leitor atento e interessado deste blog, um apaixonado pela História/Cultura/Gastronomia/Faiança e outros "cacos"...
Quanto à matéria oferecida, é de realçar o facto, de esta ter sido relegada para segundo plano face ao protagonismo das vizinhas queijadas de Tentúgal, o que no meu entender se trata de uma tremenda injustiça! Ambas são deliciosas...mas enquanto se enjoa a partir da sexta queijada de Tentúgal...são precisas umas doze de Pereira para enjoar! Os números apresentados são um mero exercício mental, pelo que não se desafia ninguém a comprovar tal teoria!


Posted by Picasa

23 de jul de 2006

Vale a pena ir a Óbidos...

A colocação de Óbidos na rota dos grandes eventos culturais deve-se, sem dúvida, ao seu jovem e dinâmico autarca, Telmo Faria, licenciado em História pela Faculdade de Letras de Coimbra, entre 1989/93, e colega do "Arqueólogo-Moura".
Para que possam planear atempadamente uma visita a Óbidos, aqui vão as minhas sugestões:
- Festival de Ópera, em Agosto: dia 4, A Flauta Mágica, dia 11, Madama Buterfly, dia 14, Don Giovanni; ( http://www.cm-obidos.pt/custom/vpage.aspx?pg=event-opera-2006&m=1)
- Festival Internacional de Chocolate: de 7 a 12 de Novembro...e com o frio que bem que sabe o chocolate! É uma autêntica overdose de chocolate...

 Posted by Picasa

22 de jul de 2006

Guerreiros...

...a treinarem para combates!
 Posted by Picasa

Multidão...

O poder que a História exerce sobre as pessoas, mesmo que de forma menos consciente, leva a que milhares de pessoas todos os anos visitem Óbidos por esta altura! Parece-me que o número de simpatizantes por este evento não tem parado de aumentar...pelo que recomendo visitar num dos dias de semana!
 Posted by Picasa

Quente...

Em cada esquina uma recriação/representação!
 Posted by Picasa

Desconcertante...

Para ajudar a recriar o ambiente medieval muitos são os figurantes, actores vestidos a rigor, que acabam por fazer as delícias de todos aqueles que por aqui passam.
Por isso aparecem-nos feirantes, almocreves, malabaristas, bailarinas, jograis, músicos, lutadores, nobres, mendigos e até as pobres vítimas da peste... e músicos que tocam como naquelas épocas!
 Posted by Picasa

Engraçado...

Outros personagens fazem-nos rir..!!
 Posted by Picasa

Assustador...

Neste "mergulho" na História encontramos pelas ruas personagens muito interessantes...que metem "medo" a alguns visitantes!!
 Posted by Picasa

Mais vale tarde...

Apesar da colocação tardia...fica a noção como funciona o programa deste Mercado Medieval, em Óbidos:
13 Julho - Abertura do V Mercado Medieval de Óbidos; Desfile de Abertura, visita do meirinho aos mercadores. Mostra de Armas. Concerto de Abertura: Strella do Dia, In Taberna.
14 Julho - Abertura do Mercado; Anúncio da chegada da Rainha. Concerto: In Taberna
15 Julho - Chegada da Rainha; Recebida às portas da Vila por um Cortejo de Boas Vindas. Mostra de Armas dedicada à Rainha. Concerto de Boas Vindas: Els Berros de la Cort (Catalunha) e In Taberna (França)
16 Julho - Bailias em honra da Rainha; Apresentando algumas das suas aias aos fidalgos presentes.
17 Julho - Os amores na Corte ; Dia do Concelho.
18 Julho - Disputa cortês pela filha de D. Raimundo, aia da Rainha.
19 Julho - O Casamento da filha de D. Raimundo
20 Julho - O Resgate da filha de D. Raimundo
21 Julho - Musica e trovadores. Concerto: Corte di Luna, Strella do Dia e Els Berros de la Cort. (o dia em que o "Arqueólogo-Moura" visitou o Mercado!)
22 Julho - Chega o Infante; Dia dedicado às crianças.
23 Julho - Partida da Rainha. Espectáculo final de Encerramento. Posted by Picasa

Viagem no tempo...

Temos que dar os parabéns a Óbidos pelas magnificas semanas medievais que nos tem proposto desde 2002! E todos os anos me surpreende a capacidade de melhorar o que estava óptimo no ano anterior.
Depois de uma semana em que o trabalho me absorveu como já não me lembrava...ao ponto de não colocar posts... soube que nem ginjas (e em Óbidos provam-se umas bem interessantes!) chegar estoirado a casa, pelas 21 horas, e rumar a Óbidos, onde ganhei novo ânimo que me fez passear pela História até por volta da 1.30 da matina!!
Que capacidade tem este Mercado Medieval!!!
 Posted by Picasa

16 de jul de 2006

Exercícios Espirituais de Santo Inácio

Exemplar que se encontra na Santa Casa. Pode consultar-se esta obra, no site http://www.ppcj.pt/sjee.htm . O núcleo inicial dos Exercícios Espirituais foi escrito por Inácio, na época de sua convalescença em Loyola. Quando da estada do santo em Paris, os Exercícios assumem, então, a forma definitiva, tal como conhecemos hoje.
Não é um livro de histórias ou para ser lido como romance. Nele está contida toda a experiência de uma vida.
Organizados em 4 grandes períodos aos quais Inácio chamou "semanas", cuja duração nem sempre é a mesma que a semana civil de 7 dias, os Exercícios começam com o chamado Princípio e Fundamento , onde o exercitante faz uma meditação sobre a pessoa de Deus Pai e prossegue com a meditação sobre o pecado humano e o rompimento com a proposta amorosa de Deus.
O início da Segunda Semana acontece com a meditação do Chamado do Rei Temporal e as Duas Bandeiras. Aqui, o exercitante começa a fazer a sua escolha entre os valores do mundo e os valores de Deus. A adesão ao projeto de Deus, vai levar à pessoa de Jesus Cristo e aos ensinamentos de sua vida pública.
Aderir ao projeto de Jesus Cristo significa também experimentar a sua cruz e a sua glória. As Terceira e Quarta Semanas são, pois, a contemplação dos mistérios que envolvem a Paixão e Morte e a Ressurreição do Senhor, respectivamente. Os Exercícios terminam com uma grande contemplação - o Ad Amorem ou Contemplação para Alcançar Amor - cuja proposta é um revisitar toda a caminhada feita e impulsionar o exercitante para sua missão na sociedade.
Inicialmente previstos para serem dados sob a forma de um retiro com 30 dias de duração, o passar dos anos foi configurando a necessidade de adaptação daquela primeira forma de dar os Exercícios para atender as condições de vida daquele que os fazem.
É importante ter em mente que os Exercícios Espirituais são fruto da experiência pessoal de Inácio de Loyola e revelam a sua própria caminhada espiritual. Não é uma espiritualidade para ser pregada ou simplesmente intelectualizada, mas experimentada. É através da experiência que o mistério de Deus vai sendo revelado a cada pessoa, de forma singular e individual, e é esta revelação que deverá transformar sua vida. O grande ideal de Inácio é que cada exercitante se torne um contemplativo na ação, o que significa ver em tudo e em todos a figura de Deus, a presença da Trindade Santa construindo e reconstruindo o mundo.
in http://www.puc-rio.br/cloyola/exercicios.html
Posted by Picasa

Santa Casa

O Santuário de Loyola tem como coração a velha casa Torre, solar dos Senhores de Oñaz e Loyola, onde Iñigo de Loyola nasceu em 1491: é a Santa Casa. E foi nela que se converteu a Deus, em 1521, e dela saiu para escrever os Exercicios Espirituais e fundar a Companhia de Jesus.
Aqui uma escultura que mostra Inácio de Loyola, jovem soldado, a ser transportado por amigos até à Santa Casa, onde recuperou de um ferimento de guerra e teve uma profunda experiência religiosa.
 Posted by Picasa

Altar-mor

O altar-mor, churrigeresco, foi desenhado por Ignácio de Ibero e, desde 1758, no seu centro tem uma estátua de prata de Santo Inácio, desenhada por Francisco de Vergara e fundida por Josef Bauer.
 Posted by Picasa

Santuário de Loyola

A Basilica é um hino à arquitectura barroca com a sua fachada ondulante. Os planos originais são atribuídos a Carlos Fontana, tendo sido alterados por Martin de Zaldúa sob influência do genial arquitecto italiano Bernini. A inauguração foi no ano de 1738.
 Posted by Picasa

Loyola

Os posts que se seguem dizem respeito a uma simples e humilde terra que viu nascer, em 1491, Inácio de Loyola, fundador da Companhia de Jesus, que acaba por colocar esta povoação no mapa-mundo!
Posted by Picasa