7 de out de 2006

O poder dos milhões

Ao sair de Sintra em direcção a Colares, pela estrada velha, deparamo-nos com esta grandiosa construção que acaba por ser o espelho do seu encomendante, António Carvalho Monteiro, para os amigos "Monteiro dos Milhões". Em inúmeros lugares da quinta é possível ver a sigla CM...que me acabou por fazer sentir em casa, ou não fosse eu Carlos Moura, ou transformar o espaço em sede do Clube de Arqueologia! Afinal de contas, é tudo uma questão de milhões...
 Posted by Picasa

3 comentários:

manuel neves disse...

Viva!

Pois é! Agora reparo, CM, também poderá querer dizer Carlos dos Milhões. Se assim for, diga, depressa repartiremos a riqueza.

um Abraço

Chanesco disse...

Caro Moura

Eu, como leigo que sou nessa matéria, se visse essas iniciais (CM), para mim seria mais um imóvel camarário.

Cumprimentos aqui da Raia e bom fim de semana.

al cardoso disse...

Uma riquissima ideia, jogue no loto quem sabe!!!

Um abraco arqueologico