10 de fev de 2007

Campo de lápias


Podemos ver perto do Casmilo um vasto campo de Lapiás onde a “rocha nua cinzelada, perfurada e lavrada por sulcos mais ou menos profundos e estreitos, imprime um cunho particular a esta região.
Saõ resultado de um retoque de pormenor no longo processo geomorfológico e neste caso aparecem em sulco pois resultam da dissolução pelas águas de escorrência já que existe um declive.
É curioso que numa deslocação ao Casmilo pudemos ver de uma assentada várias formações cársicas como este campo de lápias, várias dolinas, as buracas... dando inclusivamente para fazer o percurso a pé contemplando a magnificiência da paisagem que aparece envolvida por um silêncio único, para não dizer raro nos dias de hoje.

É uma proposta interessante para uma visita de estudo no âmbito da Geografia, da actual Biologia/Geologia e da História já que ao descer a enconsta em direcção ao Rabaçal pode ver-se vestígios da presença romana e degustar o saboroso Queijo do Rabaçal... Isto seria a minha proposta para uma visita perfeita!!

Posted by Picasa

4 comentários:

Tozé Franco disse...

Já por lá andei. Parece uma paisagem extra-terrestre.
Vale bem a pena a visita.
Um abraço.

=^.^= Tarina =^.^= disse...

Tudo muito bonito até chegar ao Queijo com o nome sim.. tipo extra-terrestre lolol

Deve ter uma paisagem linda!

=^.^= tarina

al cardoso disse...

E o meu amigo a dar-lhe com o "queijo" seja do Rabacal da Serra ou de outro qualquer sitio, e alimento que adoro. E aionda por cima nao tenho problemas de colasterol!

Um abraco d'Algodres.

elsa nyny disse...

Olá!!
Interessante, muito interessante!!

Tudo de bom!

:))