12 de ago de 2007

Que noite...



Parece que não posso ir ver o meu FCP no Estádio de Leiria!!
Em Janeiro escrevia sobre a "noite mais fria do ano" quando o União de Leiria derrotou os azuis e brancos...e a história voltou a repetir-se, agora com o Sporting.
A única diferença é que para o meu filhote a magia da noite foi outra, mesmo tendo ficado triste com o resultado, uma vez que entrou no relvado de mão dada com um jogador.
Apesar do meu Guilherme ter o coração de uma só cor, azul e branco, e vestir uma camisa azul e branca... entrou com o "leão" Polga. Na fotografia o segundo menino que acompanha o jogador verde e branco.
Vamos a ver se o velho ditado português "o primeiro milho é para os pardais...", neste caso leões terroristas (sem ofensa, mas num jogo inofensivo rebentarem quatro petardos é dose).
Posted by Picasa

6 comentários:

asn disse...

O Guilherme parece estar completamente à vontade a entrar em campo. Será sinónimo de que ele irá um dia para o FCP e de seguida até ao Manchester United?
Sonhos de crianças. A verdade é que alguns se transformam em realidades.

Portista disse...

Grande Guilherme!
Aida vou ver o meu filho a entrar no estádio do Dragão, mas desta vez de mão dada com o Guilherme que já será o num 10 do FCP.
Quanto à derrota, paciencia! O sporting mereceu ganhar...

Cumprimentos

C Valente disse...

É positivo o desportivismo nas crianças , independentemente do resultado. o gosto pelo convivio e respeito pelo adversário faz um homem melhor
saudações amigas

miguel disse...

aqui e so portistas a comentar mas a verdade e que o sporting ganhou e com um golo muito bom

al cardoso disse...

Embora eu tenda para os lados do verde, ou nao fosse eu defensor do verde da natureza, faco votos que o meu amigo me nao considere "terrorista".
Desculpe la qualquer coisita, mas pode ser que nao seja so o milho este ano!
O verde ate dizem que e a cor da esperanca!

Um abraco amigo do d'Algodres.

Marinho disse...

Gostei muito de ver o Guilherme, não de mão dada com o Polga, mas de saber que ele tem coração de dragão.
Noites frias, há algumas, mas felizmente para nós, são mais as quentes do que as frias.

Até breve, no Dragão.

Saudações portistas